Dies Domini

Sartre escolheu o absurdo, o nada e eu escolhi o Mistério - Jean Guitton

A minha fotografia
Nome:
Localização: Lisboa, Reino Portugal Padroeira: Nª Srª Conceição, Portugal

Monárquico e Católico. intransigente defensor do papel interventor do Estado na sociedade. Adversário dos anticlericais saudosos da I República, e de "alternativos" defensores de teses “fracturantes”. Considera que é tempo, nesta terra de Santa Maria, de quebrar as amarras do ateísmo do positivismo e do cientismo substitutivo da Religião. Monárquico, pois não aliena a ninguém as suas convicções. Aliás, Portugal construiu a sua extraordinária História à sombra da Monarquia. Admira, sem complexos, a obra de fomento do Estado Novo. Lamenta a perda do Império, tal como ocorreu.

domingo, 6 de janeiro de 2008

A Revelação de Jesus.


Chegamos ao fim do Natal, se é que tal expressão é possível… Natal é todos os dias segundo uma expressão já cansada para quem não compreenda esta fé num Deus que se dignou nascer pobre e humilde, como seus pais terrenos, a Virgem Maria e São José, o homem mais perfeito que alguma vez habitou esta Terra.

Tenho pena que toda esta exaltação se vá extinguindo nos dias que aí vêm… Será que vamos esquecer Aquele que é a fonte da nossa esperança, o bordão que nos serve de arrimo nas agruras desta vida?

No dia de hoje, como senti a verdade da leitura do Livro de Isaías:

“Vê como a noite cobre a terra,
e a escuridão os povos”.

A escuridão que nos quer cobrir a nós, crentes que somos na fonte da Vida - Jesus. A escuridão travestida de falsa virtude e de falsa liberdade “para todos”, que impõe a retirada de crucifixos nas escolas, dos sacerdotes nos hospitais e, agora, nomes de santos nas primeiras.


Mas tenhamos esperança. Estes homens que nos (des) governam não sabem que sobre eles “levanta-Se o Senhor”, e que a Sua glória nos ilumina, a nós seus fiéis, e que por fim as Nações, como diz Isaías, caminharão à luz da Jerusalém Celeste e os reis verão o esplendor da sua aurora.







Etiquetas:

4 Comments:

Blogger redonda said...

O quadro é lindíssimo e gostei da nota final de esperança.

quinta-feira, janeiro 10, 2008  
Blogger Cabral-Mendes said...

Obrigado Redonda amiga...

sexta-feira, janeiro 11, 2008  
Blogger Cabral-Mendes said...

Ah, é verdade: o quadro é de El Greco: "Navidad".

sexta-feira, janeiro 11, 2008  
Blogger redonda said...

Obrigada pela indicação, aqui e lá :)
um beijinho

terça-feira, janeiro 15, 2008  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home