Dies Domini

Sartre escolheu o absurdo, o nada e eu escolhi o Mistério - Jean Guitton

A minha fotografia
Nome:
Localização: Lisboa, Reino Portugal Padroeira: Nª Srª Conceição, Portugal

Monárquico e Católico. intransigente defensor do papel interventor do Estado na sociedade. Adversário dos anticlericais saudosos da I República, e de "alternativos" defensores de teses “fracturantes”. Considera que é tempo, nesta terra de Santa Maria, de quebrar as amarras do ateísmo do positivismo e do cientismo substitutivo da Religião. Monárquico, pois não aliena a ninguém as suas convicções. Aliás, Portugal construiu a sua extraordinária História à sombra da Monarquia. Admira, sem complexos, a obra de fomento do Estado Novo. Lamenta a perda do Império, tal como ocorreu.

quinta-feira, 12 de maio de 2011

Catroga e os pintelhos do PS.




Eduardo Catroga, um homem de 68 anos, mas ainda cheio de vitalidade. Este sim, deveria ser o próximo Primeiro-ministro, mas já teremos sorte se for o próximo Ministro das Finanças.



Hoje, na SIC Noticias, em entrevista ao jornalista José Gomes Ferreira, sem papas na língia, afirmou: “andam a discutir - perdoem-me a expressão - pintelhos!". ...


É d’Homem! Aliás, ele já tinha afirmado algo que ninguém até hoje ousou dizer em voz alta: "As gerações mais jovens deviam pôr este governo em tribunal"

É isso mesmo! Anda a máquina trituradora do PS a discutir assuntos marginais, cheia de manhas e mentiras, para ver se consegue colocar de novo como primeiro-ministro aquele que destruiu esta Nação, e tantas vidas e sonhos: o mais odiado homem de sempre desde D. Afonso Henriques: o senhor José Sócrates!

Etiquetas:

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home