Dies Domini

Sartre escolheu o absurdo, o nada e eu escolhi o Mistério - Jean Guitton

A minha fotografia
Nome:
Localização: Lisboa, Reino Portugal Padroeira: Nª Srª Conceição, Portugal

Monárquico e Católico. intransigente defensor do papel interventor do Estado na sociedade. Adversário dos anticlericais saudosos da I República, e de "alternativos" defensores de teses “fracturantes”. Considera que é tempo, nesta terra de Santa Maria, de quebrar as amarras do ateísmo do positivismo e do cientismo substitutivo da Religião. Monárquico, pois não aliena a ninguém as suas convicções. Aliás, Portugal construiu a sua extraordinária História à sombra da Monarquia. Admira, sem complexos, a obra de fomento do Estado Novo. Lamenta a perda do Império, tal como ocorreu.

sábado, 21 de junho de 2008

Palavras loucas III: O tempo vai longo...



Se ainda estivesses apaixonada por mim,

Quererias transmitir confiança ao meu coração...

Quererias poder amparar-me no mar alteroso do quotidiano…

Quererias suster os rios da minha tristeza interior…

Quererias transformar os meus sonhos em realidade…


Mas não: dizes que o tempo vai longo e que a paixão é coisa de miúdos…





Nota: a foto é da autoria de J.P. Sousa, intitulada "Free".

Em "
http://olhares.aeiou.pt/utilizadores/detalhes.php?id=12540".

Com a devida vénia.

Etiquetas:

2 Comments:

Blogger Júlia Moura Lopes said...

...gostei de ler!

sábado, junho 21, 2008  
Blogger C.M. said...

Merci...(les femmes!)...

domingo, junho 22, 2008  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home