Dies Domini

Sartre escolheu o absurdo, o nada e eu escolhi o Mistério - Jean Guitton

A minha fotografia
Nome:
Localização: Lisboa, Reino Portugal Padroeira: Nª Srª Conceição, Portugal

Monárquico e Católico. intransigente defensor do papel interventor do Estado na sociedade. Adversário dos anticlericais saudosos da I República, e de "alternativos" defensores de teses “fracturantes”. Considera que é tempo, nesta terra de Santa Maria, de quebrar as amarras do ateísmo do positivismo e do cientismo substitutivo da Religião. Monárquico, pois não aliena a ninguém as suas convicções. Aliás, Portugal construiu a sua extraordinária História à sombra da Monarquia. Admira, sem complexos, a obra de fomento do Estado Novo. Lamenta a perda do Império, tal como ocorreu.

sexta-feira, 29 de agosto de 2008

Pinto Monteiro com Alzheimer ?


Pinto Monteiro veio defender que os magistrados devem aplicar mais a prisão preventiva. Posição algo abstrusa, quando precisamente os casos em que esta poderá ter lugar foram drasticamente reduzidos, por via da recentíssima “reforma penal”, que apenas admite essa figura para os crimes com moldura penal acima dos cinco anos, quando anteriormente ela poderia ser aplicada a crimes com uma moldura penal acima dos três anos.

Alzheimer ataca?

O novo Código Penal e de Processo Penal, em vigor desde 15 de Setembro de 2007, encurtou os prazos de investigação (oito meses) e de aplicação da prisão preventiva (quatro meses, sem que tenha sido deduzida acusação ou oito meses sem que haja lugar a instrução do processo). E vem agora José Magalhães (PS) dizer a todo o País, através da TV, que são os Magistrados que não sabem interpretar as leis que eles “cozinham” em São Bento… É preciso descaramento!

Então a filosofia da “Lei de Política Criminal” deste governo não vai no sentido de considerar a aplicação da medida de coação – prisão preventiva - como “absolutamente excepcional”?

São estes políticos “ressabiados” (estes estão ressabiados desde 1926…), que reduziram Portugal a uma quinta, propriedade de malfeitores.

Estamos cercados de marginais e por eles presos dentro do nosso próprio País!

Etiquetas:

2 Comments:

Blogger Cleopatra said...

Eu tenho de ler isto melhor.
Não seria melhor eles sofrerem de Parkinson? Assim não conseguiam escrever e não legislavam...

sábado, setembro 20, 2008  
Blogger C.M. said...

Não legislavam, diz bem...

terça-feira, setembro 23, 2008  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home